segunda-feira, 15 de julho de 2013

Cinema Louxor em Paris


Foto: Miriam T. Girardot 
Paris possui cerca de 400 sales de cinema. A mais recente é o cinema Louxor, na esquina entre a Boulevard Magenta e Boulevard la Chapelle, no 10° arrondissement. 
Como o nome sugere, a fachada emblemática neo-egípcia dos anos 1920, foi reaberto ao público na última primavera. 
Originalmente inaugurada em 1921, na época do cinema mudo, era chamada Louxor - Palácio do Cinema. Uma década mais tarde, o cinema mudo passou a ser falado, e o cinema foi rebatizado como Louxor-Pathé. O tempo passa, mudando o curso das coisas. Os heróis da westerns substituem os faraós. Nos anos 70, o Louxor apresenta filmes épicos, séries B, filmes árabes e indianos na língua original, mas os clientes começam a escassear. E na década de 80, o Louxor nos "embalos de sábado à noite" passou a funcionar como discoteca. Em seguida, o estabelecimento passa a ser propriedade da loja Tati. 
Em 2003, praticamente abandonada, ela foi classificada como monumento histórico e é comprada pela prefeitura de Paris. O cinema passou por uma reforma que durou três anos e custou 29 milhões de euros. O cinema Louxor possui três salas, uma com capacidade de 342, 140 e 74 lugares respectivamente.

Nenhum comentário:

Foto: Geraldo Bubniak/AEN Depois de 18 meses, as fronteiras francesas e de outros países europeus começaram a abrir aos turistas brasileiro...