Sempre tive uma grande paixão pelas viagens, em descobrir lugares novos, pessoas e costumes diferentes…


Ao longo dos últimos vinte anos viajei pelos cinco continentes, totalizando 35 países.


Foi viajando que encontrei a minha vocação. Me tornei guia de turismo no Rio de Janeiro, onde estudei e obtive a credencial nas categorias: regional, nacional e internacional pela Embratur.


Em 2000, me casei e acabei fixando residência em Paris. Aqui fiz vários cursos como História da Arte na Escola do Louvre, História da Arte Renascentista na Escola Superior de Artes Aplicadas Duperré, além de outros cursos livres sobre o patrimônio artístico de Paris: arquitetura, pintura, escultura, jardins, etc.


Sou oficialmente Guia de Turismo em Paris com carteira profissional emitida pelo Ministério do Turismo e da Cultura da França.


Assim com o olhar de uma viajante e de uma profissional da área, tenho oferecido meus serviços de acompanhamento, organização e consultoria para turistas brasileiros em Paris.


Bienvenue à Paris !


Miriam Tanno Girardot


terça-feira, 14 de março de 2017

Inti Castro e sua arte no 13eme arrond de Paris

Foto: Miriam ATG
Nascido no início dos anos 80, INTI Castro tinha apenas 14 anos quando começou a trabalhar na rua. 

Se hoje suas obras são as mais respeitadas na América do Sul, Estados Unidos ou na Europa, é por causa da sua energia que o artista possui e que continua a viajar pelos quatro cantos do mundo nos oferecendo impressionantes murais.

Possui obras em Valparaiso (sua cidade natal) e  Santiago (Chile), Cali (Colômbia), Honolulu (USA), Paris e Mulhouse (França), Hasselt (Bélgica), Beirute (Líbano), Noruega (Oslo), Boras (Suécia).

O artista dá à seus personagens um jogo de colagem gráfica, adornado com fortes atributos simbólicos inspirados da imaginação latino americana, do paganismo e do cristianismo, que juntos formam uma ressonância contemporânea.

Influenciado pela cena da Street Art e pela tradição muralista mexicana, principalmente pela Brigada Ramona Parra, que foi um movimento artístico chileno contra a ditadura de Pinochet. 

A arte de INTI Castro evoca imediatamente a sua cultura sul-americana, pintura rica e colorida. 

Reconhecido por suas enormes produções murais, o trabalho de Inti é caracterizada por seu caráter fetiche: o Kusillo, um bufão que utiliza uma máscara nas danças de carnaval, um personagem da cultura indígena andina.

Aliás, INTI, seu nome adotado, é o nome do antigo deus do sol inca, divindade reconhecida por todos os povos andinos, uma referência à América pré-hispânica e indígena. 

Com uma delicadeza para traçar e um olhar afiado para os mínimos detalhes, INTI cria sobre o muro como sobre uma tela, seu universo pessoal, enraizado na cultura chilena, enriquecida por muitas influências que ganhou de suas muitas viagens ao redor do mundo.

INTI foi um dos primeiros artistas a participar do projeto da prefeitura do bairro,  desde o lançamento do projeto do museu ao ar livre do 13eme. arrondissement. 

Desde então, ele fez intervenções urbanas em vários locais do distrito.

O mural acima foi concluído em junho 2016, encontra-se no Boulevard Vincent Auriol, n° 81  -   metrô: entre as estações Nationale e Chevaleret linha 6. 

O mural abaixo foi produzido em novembro 2012, na avenida d'Italie,  n° 129  -   metrô: Maison Blanche linha 7. 


Foto: Miriam ATG

Nenhum comentário: