Sempre tive uma grande paixão pelas viagens, em descobrir lugares novos, pessoas e costumes diferentes…


Ao longo dos últimos vinte anos viajei pelos cinco continentes, totalizando 35 países.


Foi viajando que encontrei a minha vocação. Me tornei guia de turismo no Rio de Janeiro, onde estudei e obtive a credencial nas categorias: regional, nacional e internacional pela Embratur.


Em 2000, me casei e acabei fixando residência em Paris. Aqui fiz vários cursos como História da Arte na Escola do Louvre, História da Arte Renascentista na Escola Superior de Artes Aplicadas Duperré, além de outros cursos livres sobre o patrimônio artístico de Paris: arquitetura, pintura, escultura, jardins, etc.


Sou oficialmente Guia de Turismo em Paris com carteira profissional emitida pelo Ministério do Turismo e da Cultura da França.


Assim com o olhar de uma viajante e de uma profissional da área, tenho oferecido meus serviços de acompanhamento, organização e consultoria para turistas brasileiros em Paris.


Bienvenue à Paris !


Miriam Tanno Girardot


sexta-feira, 6 de maio de 2016

Os parques parisienses permanecerão abertos dia e noite

Foto: Miriam ATG 
A partir de hoje, 06 de maio 2016, a prefeitura de Paris, anuncia a abertura 24 horas de nove grandes parques de Paris, depois de um teste bem sucedido no verão passado. E 50% das áreas verdes serão acessíveis de forma contínua, contra 30% anteriormente.
São 83 hectares de área verde que permanecerá aberta dia e noite nas sextas-feiras e nos sábados.
A partir do dia 1° de julho até 03 de setembro, os parques ficarão abertos durante toda a semana. 
New-York, Berlin, Madrid, Rome, Amsterdam… Muitas cidades do mundo optaram por abrir seus parques 24 horas. Seus habitantes podem aproveitar essas áreas de repouso, reuniões e lazer, permitindo as populações mais frágeis de suportar as ondas calor intenso. 
Essa medida complementa as numerosas ações realizadas desde o início do mandato para a revitalização da Noite em Paris. 
Os locais escolhidos são:
- Le square Louis XIII (4eme)
- Os jardins dos grandes exploradores Marco Polo e Cavelier-de-la-Salle
- Parc Kellermann (13eme)
- Parc Montsouris (14eme)
- Petite Ceinture du 13eme 
- Parc André-Citroën (15eme)
- Parc Martin Luther King (17eme)
- Parc des Buttes-Chaumont (20eme)
- Square Séverine (20eme)
- Os gramados de  Auteuil (16eme)
Equipes de segurança vai garantir rondas regulares para garantir o bom funcionamento. Fornecerão um trabalho de mediação com os usuários, para que respeitem os lugares, assim como a vizinhança. Eles serão particularmente atentos para que haja uma boa convivência com os vizinhos, serão   intransigentes no que diz respeito ao barulho. 
Está previsto um reforço dos meios de limpeza, incluindo o fornecimento de latas de lixo de grande capacidade. Sanitários serão acessíveis durante toda a noite.
No total, serão 146 espaços verdes que serão abertos dia e noite, ou seja, 213 hectares dos 423 hectares de áreas verdes que compõem a cidade de Paris.


Nenhum comentário: