Sempre tive uma grande paixão pelas viagens, em descobrir lugares novos, pessoas e costumes diferentes…


Ao longo dos últimos vinte anos viajei pelos cinco continentes, totalizando 35 países.


Foi viajando que encontrei a minha vocação. Me tornei guia de turismo no Rio de Janeiro, onde estudei e obtive a credencial nas categorias: regional, nacional e internacional pela Embratur.


Em 2000, me casei e acabei fixando residência em Paris. Aqui fiz vários cursos como História da Arte na Escola do Louvre, História da Arte Renascentista na Escola Superior de Artes Aplicadas Duperré, além de outros cursos livres sobre o patrimônio artístico de Paris: arquitetura, pintura, escultura, jardins, etc.


Sou oficialmente Guia de Turismo em Paris com carteira profissional emitida pelo Ministério do Turismo e da Cultura da França.


Assim com o olhar de uma viajante e de uma profissional da área, tenho oferecido meus serviços de acompanhamento, organização e consultoria para turistas brasileiros em Paris.


Bienvenue à Paris !


Miriam Tanno Girardot


terça-feira, 25 de agosto de 2015

Mirabelle: a fruta do verão !

Foto: Miriam ATG

O que sempre me chamou a atenção nas feiras e supermercados franceses é a variedade de ameixas: mirabelle (amarela), Reine-Claude (verde), Quetsche (azul), entre outras…

Mirabelle é uma variedade de ameixa, de cor predominante amarela e quando bem madura ela fica avermelhada, são bem mais pequenas, do tamanho de uma cereja, o sabor é mais doce e delicado do que a ameixa que conhecemos no Brasil,  que é mais ácida.

Foto: Miriam ATG

Essa fruta é cultivada principalmente na região de Lorraine, no Norte da Alsácia e no Sudeste da França, também é cultivada no Quebec, Canadá.

A Lorraine produz cerca de 15 mil toneladas por ano, ou seja,  80% da produção mundial, considerada a melhor produção nacional de mirabelles.

A colheita começa na metade de agosto, durante o verão europeu, e termina na metade de setembro, dependendo do clima, pode terminar mais cedo ou mais tarde.

A maneira que se colhe as mirabelles é sacudindo os galhos da árvore, se caem é porque estão maduras. 

Além de ser deliciosa para comer "in natura", pode ser encontrada como geléia, em conserva, tortas, licor…
Clafoutis à la Mirabelle
Foto: Miriam ATG


Nenhum comentário: