quinta-feira, 25 de maio de 2017

Open Swin Stars Mutuelle Paris - travessia a nado


Nos dias 17 e 18 de junho, acontece o "Open Swin Stars Harmonie Mutuelle Paris", que é a travessia de Paris a nado, que começou em 1905, logo após a 2a. Guerra Mundial, com a participação de grandes nadadores da época.

No ano passado, cerca de 1.000 nadadores participaram.

A novidade deste ano é a prova de 5 Km !

Distâncias de 1 km, 2 km e 5 km

5 provas de 1 km, 2 km, 2 km com palma, 5 km e um combinado de 5 + 2 km

Local: Village Nageurs Bassin de la Villette - Quai de la Loire, 19eme

Site oficial http://www.lafrancealanage.com/evenements/paris/




O que está aberto no feriado 25 de maio 2017 em Paris


Hoje, dia 25 de maio, quarenta dias depois da Páscoa, comemora-se a Ascensão de Jesus,  sendo feriado na França, aqui vai a lista dos monumentos e museus abertos:

Panthéon : 10h-18h30

Tour Eiffel : 9h30-23h

Notre Dame : 8h-18h45

Arc de Triomphe : 10h-23h

Domaine de Saint-Cloud : 7h30-22h, musée de 15h30 à 19h

Château de Versailles : 9h-18h30

Conciergerie : 9h30-18h

Sainte Chapelle : 9h-17h

Tour Montparnasse : 9h30-23h30

Château de Vaux-le Vicomte : 10h-18h

Château de Fontainebleau : 9h30-18h

Château de Chantilly : 10h-12h15 puis 13h30-18h

Château de Champs sur Marne : 10h-12h15 et 13h30-17h

Château de Malmaison : 10h-12h30 et 13h30-17h45

Château de Breteuil : 11h30-20h

Parc Zoologique de Paris : 9h30-19h30

L'Aquarium de Paris : 10h-19h


Musée du Louvre : 9h-18h 

Centre Pompidou : 11h-21h

Musée d'Orsay : 9h30-21h50 

Grand Palais : 10h-20h

Musée de l'Orangerie : 9h-18h

Musée Jacquemart-André : de 10h à 20h30

Musée Guimet : 10h-18h 

Musée du Luxembourg : 10h30 à 18h

Cité de l'Immigration : de 10h à 17h30

Cité des Sciences : 10h-18h 

Musée en Herbe : 10h-18h 
Os Centres Commerciaux - shoppings centers abertos: 

Carrousel du Louvre (75001) : 10h à 20h

Forum des Halles (75001) :  10h à 20h

BHV (75004) : 10h à 20h

Galeries Lafayette Haussmann (75009) : 10h30 à 20h30

Printemps (75009) : 10h30 à 19h30

Passage du Havre (75009) : 11h à 19h

Citadium Caumartin (75009) : aberto

Bercy Village (75012) :  11h à 21h

Italie 2 (75013) : 10h à 20h

Montparnasse Rive Gauche (75014) : ouvert de 10h à 19h

Beaugrenelle (75016) : das 10h à 20h 

Les boutiques du Palais (75017) :  11h à 19h

Fonte: Sortir a Paris

segunda-feira, 22 de maio de 2017

19° Festival de Cinema Brasileiro em Paris 2017





A Associação Jangada promove o 19° Festival de Cinema Brasileiro "50 anos do Tropicalismo" do dia 20 ao 27 de junho, no Cinéma Arlequim.

Geralmente o festival acontece anualmente no mês de abril, mas por dificuldades financeiras e apesar do apoio da Embaixada Brasileira em Paris e da Air France, a Associação Jangada teve que retardar o festival para conseguir verbas para a realização do evento. 

Para a abertura do festival, o filme "Elis" de Hugo Prata, que fez muito sucesso no Brasil.
Dia 20 às 20h30 e no dia 25 às 14h00.

E para o encerramento do festival, o belíssimo documentario "Chico - Artista Brasileiro" de Miguel Faria Junior. O fio condutor é a fala de Chico Buarque, entre depoimentos, cenas históricas, documentos, interpretações de canções, etc.
No dia 27 às 21h00.


                             Os filmes em competição

Redemoinho - José Luiz Villamarim
Dia 21 - 4a.feira - 17h00
Dia 26 - 2a.feira - 19H20

Para ter onde ir  - Jorane Castro
Dia 22 - 5a.feira - as 19h00 - debate com a cineasta
Dia 23 - 6a.feira - as 14h00

Rio Mumbai - Pedro Sodré e Gabriel Mellin
Dia 21 - 4a.feira - 19h30 - debate com o cineasta e os atores Clara Choveaux e Orlando Conrado Nilo
Dia 26 - 2a.feira - 15h10

Como os nossos pais - Lais Bodanzky
Dia 23 - 6a.feira - 19h00 - debate com a cineasta e atriz Maria Ribeiro
Dia 25 - domingo - 16h30

Beatriz - Alberto Graça
Dia 22 - 5a.feira - 16h30
Dia 25 - domingo - 21h00 - debate com o cineasta

Gabriel e a Montanha - Fellipe Barbosa 
Dia 23 - 6a.feira - 21h30 
Dia 26 - 2a.feira - 16h50

Era o Hotel Cambridge - Eliane Café
Dia 24 - sábado - 19h30 - debate com o produtor Amiel Tenenbaum
Dia 27 - 3a.feira - 16h30

                                Documentários

Sao Paulo em HI FI - Lufe Steffen
Dia 21 - 4a.feira - 21h30 - debate com Gilson Packer

Martirio - Vincent Carelli, Ernesto de Carvalho e Tita
Dia 22 - 5a.feira - 21h00

Menino 23 - Belisario Franca
Dia 21 - 4a.feira - 14h00
Dia 24 - sábado - 14h00

Tropicalia - Marcelo Machado
Dia 23 - 6a.feira - 16h30 - com debate com Sergio Rizzo

Rogério Duarte, Tropikaoliste - José Walter Lima 
Dia 24 - sábado - 17h30 - com debate com o cineasta

Danado de bom - Debby Brennand
Dia 24 - sábado - 21h30 - debate com a produtora Marianna Brennand

Outro Sertão - Adriana Jacobsen  e Soraia Vilela
Dia 25 - domingo - 19h00 - debate com Patrick Straumann e Michel Riaudel

Não devore meu coração - Felipe Bragança
Dia 26 - 2a.feira - 21h30 
Dia 27 - 3a.feira - 14h00

No intenso agora - Joao Moreira Salles
Dia 27 - 3a.feira - 18h30 

                                     Para crianças

Deixa na régua - Emilio Domingos
Dia 21 - 4a.feira - 15h30
Dia 26 - 2a.feira - 13h40

Jonas e o circo sem lona - Paula Gomes
Dia 22 - 5a.feira - 14h00
Dia 24 - sábado - 15h30


Datas: 
De 20 ao 27 de junho 2017

Local:
L'Arlequim: 76, rue des Rennes, 6eme 
Metrô: Saint Sulpice linha 4 

Preços dos ingressos:
Normal: 7,50 €
Estudante: 5 €
Passe especial do festival: 60 € - 10 ingressos

sábado, 20 de maio de 2017

Calendário de shows no Stade de France 2017 em Paris

Você está vindo à Paris e quer ver esses shows, confira as datas:

Depeche Mode - 1° de julho

Gun Roses - 07 de julho

Coldplay - 15, 16 e 18 de julho

U2 - 25 e 26 de julho

Les Insus - 15 e 16 de setembro

Aida - 23 de setembro



Os ingressos podem ser comprados antecipadamente on line:

http://www.stadefrance.com/fr/billetterie?concerts
http://www.fnacspectacles.com
https://www.ticketmaster.fr

STADE DE FRANCE - Saint-Denis, 93200
Metrô  Station St-Denis linha 13
RER B La Pleine Stade de France 
RER D Stade de France - St-Denis


segunda-feira, 15 de maio de 2017

Fête de la Bretagne - Festa da Bretanha 2017 em Paris


Entre 1863 e 1865, com a abertura da ferrovia Paris-Nantes-Quimper e Paris-Brest, facilitou o êxodo rural de bretães à Paris.

A Gare de Montparnasse é a estação de trem de chegada na capital, onde a grande maioria de bretães acabam se instalando, que acabou se tornando a pequena Bretanha. 

Se hoje os bretães estão presentes em todos as classes sociais, quando chegaram em Paris no século 19, eram mão de obra barata - "pau pra toda obra", com uma escolaridade muito baixa, além de falarem somente o dialeto bretão, pois o aprendizado da língua francesa passou a ser obrigatória nas escolas da Bretanha somente em 1930.

Hoje calcula-se que haja mais de um milhão de bretães, sejam aqueles nascidos na Bretanha ou filhos de bretães, que acabaram se espalhando por toda a região: St-Denis, Meudon, Poissy. 

Assim, a presença de bretães no bairro de Montparnasse ficou menos acentuada do que no passado, mas ainda hoje, existem muito comércio e associações de bretães.

Essas associações juntamente com as prefeituras do 14eme e 15eme arrondissement, organizam anualmente a festa de Santo Yves (dia 19 de maio), que é o padroeiro da Bretanha.
Esse evento é comemorado em 153 cidades de todo o mundo, onde existe uma comunidade de imigrantes bretães.

A "Fête de la Bretagne - Festa da Bretanha 2017" em Paris, começou no 15 de maio.

Dia 17 de maio - 4a.feira:

16h00 às 17h00 - aula de dança gratuita para os pequenos com a professora de dança Sylvie Minard, na Place Edgar Quinet

Dia 18 de maio - 5a.feira:

As ruas comerciais de Odessa e Montparnasse serão fechadas aos veículos, assim as creperias colocarão mesas nas calçadas. 

20h30: concerto gratuito com os Ramoneurs de Menhirs e músicos e cantores da Mission Bretonne, na Place Edgar Quinet.


Dia 20 de maio:

11h30 - Espetáculo "La Breizh Parade", um grande desfile com 250 músicos e dançarinos com seus costumes tradicionais celtas da região parisiense, Bretanha, Escócia e a Galicia, entre a rue Lecourbe e o Boulevard Garibaldi e a Mairie do 15eme arrond.

12h00 às 18h00 - uma feira com produtos artesanais e comestíveis da região da Bretanha, exposição de fotos dos 70 anos da Misson Bretonne, na Place Jacques Demy e no Square Ferdinand Brunot, no 14eme arrond.

14h30 às 17h30 - ateliê de pintura para crianças

15h00 - apresentação de dança infantil

19h00 às 2h, a Fest-Noz - que no dialeto breton significa "festa noturna", com vários grupos de musica e orquestra, na Sala de Festas do 14eme arrond, na rue Pierre Castagnou, n° 12, preço do ingresso na hora 10 €.


Dia 20 e 21 - sábado e domingo:

- 11, rue de Péclet, no 15eme arrond - concertos gratuitos de musica bretona do Pop Rock, Rock celta e musica tradicional 
Maquiagem gratuita para as crianças
Concurso de tortillas galicias
Feira de produtos bretães: biscoitos, conservas, ostras, escargots, crepes, artigos orgânicos, livros, pinturas, moda… 




quarta-feira, 10 de maio de 2017

Visitas noturnas para a exposição Vermeer no Museu do Louvre

Foto: Miriam ATG 
Apenas entre 10 e 22 de maio 2017, as visitas noturnas no Museu do Louvre nas 4as., 6as. feiras e nos sábados, serão até às 21h45.

E excepcionalmente, nos dias 18 (5a.feira) e 22 (2a.feira) de maio, o Museu do Louvre estará aberto para a visita noturna até às 21h45.

É necessário que os visitantes, inclusive aqueles que podem se beneficiar da gratuidade, faça a reserva da visita através do site www.ticketlouvre.fr ou no próprio local, na Bilheteria, podendo ser no mesmo dia desejado da visita. 

Visitas Noturnas somente em maio 2017:
Dia 10 - 4a.feira
Dia 12 - 6a.feira
Dia 13 - sábado
Dia 17 - 4a.feira
Dia 18 - 5a.feira
Dia 19 - 6a.feira
Dia 20 - sábado
Dia 22 - 2a.feira

Lembrando que depois o horário normal de funcionamento do Museu do Louvre é das 9h00 às 18h00, com exceção da 3a.feira, que é fechado. 
E que os dias normais de visita noturna são somente nas 4as. e 6as.feiras até às 21h45.

Preço do ingresso: 15 €

Acesso:
- Pela Pirâmide e Galeria do Carrousel: aberto todos os dias (menos nas 3a.feiras) das 9h00 as 19h30 e nas 4as e 6as feiras até as 22h00
- Passagem Richelieu: aberto todos os dias (menos nas 3as.feiras), das 9h00 às 17h30 e até as 18h00 nas 4as e 6as feiras
- Porte dos Leões: entrada reservada aos grupos 

Metrô: Palais Royal Musée du Louvre linhas 1 e 7



domingo, 7 de maio de 2017

Quais os museus/monumentos que funcionarão no dia 08 de maio 2017


Foto: Miriam ATG
Amanhã, 2a.feira, dia 08 de maio, é feriado nacional, em comemoração à fim da 2a. guerra mundial, veja o que estará funcionando :

Monumentos:

Museus:

Musée du Louvre : 9h-18h 
Atualmente: Vermeer et les maîtres de la peinture de genre, Valentin de Boulogne, Dessiner le quotidien de la Hollande au siècle dOr, Le siècle de Rembrandt et le Corps en Mouvement

Grand Palais : 10h-20h
Atualmente:  expositions RodinJardins, et les Joyaux des moghols aux Maharajahs

Fondation Louis Vuitton : 11h-20h
Atualmente: exposiçao temporaire Art/Afrique
Le Grand musée du Parfum : 10h30 à 19h
Atualmente:  sem exposição temporaria

Musée de l'Orangerie : 9h-18h
Atualmente: les chefs doeuvre du Bridgestone Museum de Tokyo

Musée Guimet : 10h-18h  
Atualmente: exposition Kimono –Au bonheur des dames
Musée du Luxembourg : 10h30 à 18h
Atualmente: Pissarro à Eragny

Cité de l'Immigration : de 10h à 17h30
Atualmente: Ciao Italia

Musée en Herbe : 10h-18h
Atualmente:  Hello My game is...

Fonte:  Sortir Paris


Pavillon de l'Arsenal em Paris


Foto: Miriam ATG 
O Pavillon de l'Arsenal é um centro de informação, documentação e exposição de urbanismo e arquitetura de Paris e da metrópole parisiense, que permite compreender a evolução de Paris e a influência de sua história sobre o urbanismo.

Nos seus três andares com um total de 1.300m2, há coleções permanentes e temporárias, grande maquete, galerias da atualidade, photos, conferências e colóquios. 

A exposição permanente "Paris, a metrópole e seus projetos" consagra mais de 800m2 à história, à atualidade e ao futuro da metrópole parisiense através de mais de 1.000 documentos de arquivo, fotos, mapas, planos, filmes e uma maquete digital de 37m2.  

No 1° andar é todo ocupado pela exposição temporária "Paris Haussmann - Modèle de Ville" que começou no final de janeiro e terminará no dia 04 de junho 2017.
Haussmann foi o prefeito da Sena entre 1853 e 1870, responsável pela profunda transformação de Paris, que determina ainda hoje a organização urbana da cidade e a identidade da capital. 

Busto de Haussmann
foto: Miriam ATG 
Paris, a metrópole e seus projetos traçam ao longo de um percurso cronológico, a origem deste território e conta histórias cruzadas entre os municípios da metrópole para permitir que todos entendam o território atual. A exposição oferece assim inúmeros pontos de referências temáticas que explicam a metrópole estruturada pela lógica agrícola, ornamental ou viárias, depois transformada, adaptada, integrada em um processo de urbanização resultante do desenvolvimento demográfico, tecnológico, econômico e político.
Foto: Miriam ATG  

Esse quadro de análise comparativa de 15 cidades internacionais estabelecidas pelas características de sua malha em termos de ocupação do solo, diversificação e complexidade, de "funcionamento" e acesso aos serviços. Toledo e Brasilia são duas cidades sujeitas ao estudo pelos seus valores como cidades históricas e modernas.

Desde 1989, o Pavillon de l'Arsenal também é conhecida pela qualidade de suas conferências, mais de duzentas conferências ministradas por Antoni Gaudi, Frank O. Gehry, Dominique Perrault, Yona Friedman, Jean Nouvel, Toyo Ito, Daniel Libeskind, Christian de Portzamparc... 

Foto: Miriam ATG 

21, boulevard Morland, 4eme arrond
Metrô: Sully-Morland linha 7

Aberto de 3a.feira a domingo das 11h00 às 19h00

Entrada gratuita


Exposição NAPOLEÃO - 200 anos da morte de Napoleão

Foto: Miriam Girardot Por mais admirado e polêmico, Napoleão Bonaparte é uma figura complexa cuja vida oscila entre heroísmo e tragédia, vit...