Sempre tive uma grande paixão pelas viagens, em descobrir lugares novos, pessoas e costumes diferentes…


Ao longo dos últimos vinte anos viajei pelos cinco continentes, totalizando 36 países.


Foi viajando que encontrei a minha vocação. Me tornei guia de turismo no Rio de Janeiro, onde estudei e obtive a credencial nas categorias: regional, nacional e internacional pela Embratur.


Em 2000, me casei e acabei fixando residência em Paris. Aqui fiz vários cursos como História da Arte na Escola do Louvre, História da Arte Renascentista na Escola Superior de Artes Aplicadas Duperré, além de outros cursos livres sobre o patrimônio artístico de Paris: arquitetura, pintura, escultura, jardins, etc.


Sou oficialmente Guia de Turismo em Paris com carteira profissional emitida pelo Ministério do Turismo e da Cultura da França.


Assim com o olhar de uma viajante e de uma profissional da área, tenho oferecido meus serviços de acompanhamento, organização e consultoria para turistas brasileiros em Paris.


Bienvenue à Paris !


Miriam Tanno Girardot


terça-feira, 9 de fevereiro de 2021

La Pagode em Paris



La Pagode foi construída em 1896, pelo arquiteto Alexandre Marcel, num período em que o japonismo estava em voga.

Foi um presente do diretor do Bon Marché (a primeira loja de depto do mundo) à sua esposa Madame Morin.

A inauguração foi um jantar para 100 convidados com a Orquestra da Opèra de Paris. Ela fez inúmeras recepções até falecer em 1917.

Em 1931, o local foi transformado em cinema com duas salas, aliás,o único cinema do 7ème arrond.

La Pagode se tornou um dos locais cult dos cinéfilos.

Foi inscrita ao Monumento Histórico em 1990.

O cinema foi fechado em 2015. Dois anos mais tarde foi vendido ao magnata americano Charles S. Cohen.

E um projeto de renovação está em curso para reabrir como cinema e outras atividades culturais.

Estranhamente, na manhã do primeiro dia de confinamento em 11/05/2020, as árvores do jardins foram derrubadas. O jardim tinha sido classificado como Monumento Histórico em 1983.

Foto: Miriam Girardot



Nenhum comentário: