Sempre tive uma grande paixão pelas viagens, em descobrir lugares novos, pessoas e costumes diferentes…


Ao longo dos últimos vinte anos viajei pelos cinco continentes, totalizando 35 países.


Foi viajando que encontrei a minha vocação. Me tornei guia de turismo no Rio de Janeiro, onde estudei e obtive a credencial nas categorias: regional, nacional e internacional pela Embratur.


Em 2000, me casei e acabei fixando residência em Paris. Aqui fiz vários cursos como História da Arte na Escola do Louvre, História da Arte Renascentista na Escola Superior de Artes Aplicadas Duperré, além de outros cursos livres sobre o patrimônio artístico de Paris: arquitetura, pintura, escultura, jardins, etc.


Sou oficialmente Guia de Turismo em Paris com carteira profissional emitida pelo Ministério do Turismo e da Cultura da França.


Assim com o olhar de uma viajante e de uma profissional da área, tenho oferecido meus serviços de acompanhamento, organização e consultoria para turistas brasileiros em Paris.


Bienvenue à Paris !


Miriam Tanno Girardot


terça-feira, 17 de março de 2015

Festival do Cinema Brasileiro na Cinémathèque Française em Paris


Entre os dias 18 de março a 18 de maio, acontece o Festival do Cinema Brasileiro na Cinémathèque Française.
Serão 100 filmes brasileiros, desde filmes mudos dos anos 1920 aos primeiros longas metragens contemporâneos de uma geração de cineastas, passando pelas comédias leves dos anos 1950 e as grandes figuras do Cinema Novo !  

No dia 21 de março às 15h00, acontece uma conferência sobre o "Panorama do cinema brasileiro desde os seus primórdios até os dias atuais" com Gabriela Trujillo, doutora em cinema, especialista em cinema da América Latina e vanguarda históricas.

A conferência terá duração de 1 hora. Em seguida,  haverá um debate sobre o cinema brasileiro contemporâneo conduzido pelo Bernard Payen (que é programador da Cinémathèque Française, sendo júri convidado em vários festivais de cinema no Brasil, sendo ele mesmo, produtor, diretor de curtas-metragens), com a presença de Cacá Diegues, convidado de honra, além de produtores da nova geração:

Claudio Marques, nascido em 1970, foi crítico primeiro filme antes de passar para o programa de cinema. Ele é o fundador de um festival internacional em Salvador. Desde 2008, dirige filmes.

Juliana Rojas é diplomada na Escola do Cinema de São Paulo e dirigiu vários curtas-metragens com Marco Dutra. 
Tatiana Monassa é crítica de cinema no Brasil. Foi editora chefe da revista independente Contracampo, participou de festivais como júri ou membro do comitê de seleção.

Às 19h00, projeção do filme "O som ao redor" (Les bruits de Recife) de Kleber Mendonça Filho.
Cinémathèque Française: 51, rue de Bercy - 75012 - Paris
Metrô: linhas 6 e 14 - estação Bercy 



Nenhum comentário: