quarta-feira, 20 de março de 2013

Dificuldades com as notas de 500, 200 e 100 € na França


Foto: Miriam T. Girardot 

Na França, as notas de 500 e 200 euros não são muito populares,  uma boa parte dos franceses nunca pegaram nas mãos notinhas nesses valores !

Então quem os utiliza ???

Os mafiosos e os turistas !

Os mafiosos porque com essas notas é possível transportar uma grande soma em dinheiro sem fazer muito volume. Em alguns países europeus, a nota de 500 euros é até chamada de "Ben Laden", muito usada para lavagem de dinheiro. Por isso cogita-se o fim da circulação dessas notas.

Os turistas geralmente compram grandes somas para poderem viajar na Europa, ingenuamente escolhendo notas altas, sem saber que ao chegarem à França, encontrarão muita dificuldade para gastarem, nem digo trocarem.

Logicamente, se você fizer uma compra que passa os 500 euros, a loja é obrigada a aceitar, mesmo que tenha uma placa dizendo que não aceita essas notas.

Os lugares mais fáceis de gastar essas notas são em lojas de departamento, como o Le Bon Marché, Galeria Lafayette, Printemps e outras lojas luxuosas.

Agora se deseja comprar alguma coisa apenas para trocar o dinheiro,  você vai sentir a dificuldade…

Os caixas das lojas vão fazer cara feia e dizer que não terão mais troco no caixa ou simplesmente que não aceitam e ponto final.

Por isso, aconselho a fazerem câmbio com notas menores.

E outra maneira segura para viajar é adquirir os cartões travel money, mais conhecido como VTM (Visa Travel Money).
Um cartão pré-pago que você carrega com o valor desejado, seja em dólares, euros ou libras, sendo que o valor mínimo a ser carregado deve ser 100,00 e o máximo 20.000,00 em uma das três moedas citadas anteriormente.

Nenhuma taxa é cobrada para as compras, apenas para saque em dinheiro que é cobrado uma pequena taxa no valor de US$ 2,50, não importando o valor e a moeda do país.

Eu já usei esse cartão é acho muito prático e seguro.

Para saber mais clique aqui

sexta-feira, 15 de março de 2013

A Primavera chegou !

Jardim proximo ao Bercy Village - Foto: Miriam ATG

Jardin des Plantes - Foto: Miriam ATG

Jardin des Plantes - Foto: Miriam ATG
Square Jean-Paul XXIII - Foto: Miriam ATG


domingo, 10 de março de 2013

Promenade Plantée


Foto: Miriam ATG
A "Promenade Plantée" ou "Culée Verte" criada entre 1987 e 2000, é um espaço verde que atravessa o bairro do 12° distrito, com 4,7km de extensão. 
Foi criado em cima da antiga linha de trem de ferro que ligava a Praça da Bastilha até Varenne-Saint-Maur desativada em 1969. 
São 6,5 hectares passando por praças, parques, jardins, pontes, túneis, entre habitações... 
Todo o percurso possui uma vegetação bem variada e muito bonita.  
Um passeio muito agradável, tanto que os domingos vive lotado.
Nova York também copiou a idéia, transformando uma parte da antiga linha férrea, na atual High Line Park inaugurada em 2009.

Foto: Miriam T. Girardot 

Pode começar atrás da Opera Bastilha, no "Viaduc des Arts", ou seja, nas arcadas onde passava a linha férrea (onde hoje funcionam várias lojas comerciais)  e terminar no Castelo de Vincennes ou vice-versa ! 

Allé Vivaldi - Foto: Miriam ATG
               

domingo, 3 de março de 2013

Catedral Notre Dame de Paris festeja seus 850 anos


Foto: Miriam T. Girardot 

Desde dezembro do ano passado até o dia 24 novembro 2013 está aberta a peregrinagem à Notre Dame de Paris para celebrar os 850 anos de devoção à Virgem Maria.

Este percurso foi concebido em torno da frase de Santo Agostinho "Via Viatores Quaerit" - Eu sou o caminho que procura os viajantes. Ela começa na praça, introduzido por uma porta de 13 metros de altura e continua a frente ocidental para admirar seus três portais lindamente esculpidos. O percurso irá continuar dentro da catedral, destacando suas grandes obras e permitir que aqueles que desejam tornar seu processo de peregrinação.
Oferecemos a todos aqueles que desejam viver uma experiência de peregrinação, tomando o "caminho dos 850 anos" e gestos simbólicos que envolvem os oito passos (porta e a maneira como a fachada ocidental, a pia batismal, vitrais, o altar, a Virgem do Pilar, as relíquias da Paixão e da Capela do Santíssimo Sacramento e para completar o santuário de Santa Genôveva).

Se você deseja participar na peregrinação sozinho ou em grupos, descubra todos os contatos e informações práticas a seguir.

INFORMAÇÕES ÚTEIS

O acesso é gratuito. O Caminho dos 850 anos é acessível a pessoas com mobilidade reduzida.

Catedral horas de abertura e o Caminho dos 850 anos estão abertos todos os dias do ano, a partir de 08:00 até o último ato.

Para preparar sua peregrinação, entre em contato coordenação peregrinações:
+33 (0) 1.44.32.16.72 peregrinações@notredamedeparis2013.com.

Durante a missa dos peregrinos é proposto renovação das promessas batismais por meio do diálogo batismal.

Para todo grupo de peregrinos acompanhados por um sacerdote.

Para massas adicionais de segunda a sábado e das 16:00 h às 10:00 h (após o registro com a coordenação das peregrinações).

A bolsa do peregrino será vendido na praça, que inclui ferramentas para procurar o caminho dos 850 anos. Seu preço é de 10 €. Os grupos formados podem encomendar com antecedência e retirar quando chegarem na praça da catedral. Para as crianças, ha também uma bolsa, especialmente concebida para elas.

O processo de e-peregrinação Por ocasião do 850 anos de Notre-Dame de Paris, a Peregrinagel semanal oferece, em conjunto com a Notre-Dame de Paris 2013 Association, e-peregrinagem (peregrinação por e-mails) para melhor descobrir sobre as riquezas da catedral. 

Rezar na CATHEDRAL

Veneração da Coroa de Espinhos de Jesus Cristo e as relíquias da Paixão: às 15:00, a cada primeira sexta-feira do mês e toda sexta-feira durante a Quaresma às 15:00.

Na Sexta-Feira Santa, a veneração acontece durante o dia todo.

Ostentação da Coroa de Espinhos toda sexta-feira após a 06:15.

Missa Adoração Eucarística: toda quinta-feira, no final da Missa 06:15 e às 19:30.

Exposição NAPOLEÃO - 200 anos da morte de Napoleão

Foto: Miriam Girardot Por mais admirado e polêmico, Napoleão Bonaparte é uma figura complexa cuja vida oscila entre heroísmo e tragédia, vit...