Sempre tive uma grande paixão pelas viagens, em descobrir lugares novos, pessoas e costumes diferentes…


Ao longo dos últimos vinte anos viajei pelos cinco continentes, totalizando 35 países.


Foi viajando que encontrei a minha vocação. Me tornei guia de turismo no Rio de Janeiro, onde estudei e obtive a credencial nas categorias: regional, nacional e internacional pela Embratur.


Em 2000, me casei e acabei fixando residência em Paris. Aqui fiz vários cursos como História da Arte na Escola do Louvre, História da Arte Renascentista na Escola Superior de Artes Aplicadas Duperré, além de outros cursos livres sobre o patrimônio artístico de Paris: arquitetura, pintura, escultura, jardins, etc.


Sou oficialmente Guia de Turismo em Paris com carteira profissional emitida pelo Ministério do Turismo e da Cultura da França.


Assim com o olhar de uma viajante e de uma profissional da área, tenho oferecido meus serviços de acompanhamento, organização e consultoria para turistas brasileiros em Paris.


Bienvenue à Paris !


Miriam Tanno Girardot


quarta-feira, 9 de março de 2016

Instalação efêmera do Ekiben em Paris


Para aqueles que amam comida japonesa, foi instalado na Gare de Lyon, uma barraquinha de bentô, chamado Ekiben. 

A contração da palavra Eki ( estação  de trem) e de Bentô (lunch box) tão comum nas estações de trem no Japão, oferecem uma gastronomia regional elaborada a partir de produtos locais e da estação.

Geralmente, o bentô é uma refeição completa e equilibrada, composto de arroz; salmão grelhado, frango ou tempurá como prato principal; uma omelete japonesa e uma salada de algas, condicionados graciosamente nas caixas e igualmente bem embalados.

No Japão, o Ekiben  surgiu  em meados de 1885 na estação de Utsunomiya à Tochigi, momento em que começou a circular os trens japoneses entre Ueno (Tóquio) e Utsunomiya.

Os bentôs são muito consumidos durante a viagem de shinkansen (trem-bala) e atualmente existem mais de 200 variedades de bentôs .

As diferenças culturais das regiões do Japão e a diversidade da cozinha local, representam a riqueza do país. 

A barraca foi instalada na Gare de Lyon, no Hall 2, em frente à plataforma 23.
Funciona todos os dias das 8h00 às 19h30.
Começou no dia 1° de março até 30 de abril 2016.
Os preços variam entre 8 e 15 €.
Bento Omotenashi - 13 € à esquerda
Maki Sukeroku - 8 € à direita
Bento Paris-Lyon - 15 € à esquerda
Bento Makuno-Uchi - 15 € à direita 
Bento Onigiri - 8 € 


Um comentário:

Anônimo disse...

Miriam,

Deu água na boca e saudades do Japão. Paris, aos poucos, vai ganhando uns ares de Tóquio!!! Estou louco para rever ambas, cidades únicas!

Até lá!

Miguel